Onde Fica e Fotos de Chapada Diamantina

Exuberante beleza da Chapada Diamantina

Imagine uma paisagem com formações rochosas estranhas e fantásticas acima do solo, um sistema de cavernas de quartzito com lagos cristalinos e rios subterrâneos, e você tem o cenário da Chapada Diamantina, uma das regiões mais procuradas por turistas para as mais loucas aventuras ecológicas no Brasil.

Adicione a história do boom do diamante, garimpeiros, monumentos naturais e você tem os 152.000 hectares do Parque Nacional da Chapada Diamantina, situada no centro do estado da Bahia.

No início do século 19, dois garimpeiros alemães descobriram uma enorme veia de diamantes em uma região de formações incomuns de rocha, chapadas, rios subterrâneos, cachoeiras, vales e montanhas chamados morros. Quando a notícia se espalhou, a corrida dos diamantes se seguiu e trouxe uma onda de garimpeiros, que formaram a cidade de Lençóis como base para exploração do que é hoje conhecido como Chapada Diamantina.

Agora, o Parque Nacional da Chapada Diamantina, criado em 1985, esta é uma região de terreno misto: encostas verdejantes e mesas de rocha vermelha alimentadas pelo sistema de águas subterrâneas, cachoeiras e piscinas contrastantes com o Sertão semi-árido das proximidades.

O Parque Nacional da Chapada Diamantina é onde nascem quase todos os rios das bacias do Paraguaçu, do Jacuípe e do Rio de Contas. As águas brotam nos cumes e deslizam em belos regatos.

A Chapada Diamantina é composta por 24 municípios e um total de 395.620 habitantes. As cidades mais populosas são: Seabra, Morro do Chapéu e Iraquara.

Lençóis é a porta de entrada para o Parque Nacional da Chapada Diamantina. A cidade conta com construções coloniais e pequenas igrejas que são uma lembrança de seu passado.

A área Parque Nacional da Chapada Diamantina ficou em segredo por muitos anos para impedir o contrabando de diamantes, mas o cenário espetacular abriu a região para o turismo.

Alguns atrativos naturais que merecem uma visita:

– Cachoeira da Fumaça e seus 380 metros de queda livre ou o deslumbrante Poço Encantado.

– Gruta da Pratinha – aproximadamente 390 metros de largura e 4,5-7,5 metros de profundidade.

– Gruta de Lapão – caverna em arenito e quartzito tem 1 km de distância de ponta a ponta.

– Gruta da Lapa Doce – talvez a mais bela, estende-se 850m no subsolo.
– Gruta Azul – nomeado por causa das águas de cor azul cobalto quando o sol banha a caverna.

– Pico do Barbado – com 2.033 metros

– Pico do Itobira com 1.970 metros

– Pico das Almas com 1.958 metros.

Chapada Diamantina 1

Chapada Diamantina 2 Chapada Diamantina 3 Chapada Diamantina 4 Chapada Diamantina 5 Chapada Diamantina 6 Chapada Diamantina 8 Chapada Diamantina 9




Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *