Poliomielite – Prevenção, Sintomas, Tratamento

Poliomielite, o inicio da paralisia pode ser repentino

A poliomielite é uma doença infecciosa causada por um vírus chamado poliovírus. O vírus tem o potencial de causar uma doença neurológica grave com paralisia que pode ser fatal. Casos de poliomielite, são agora quase desconhecido no Brasil, devido aos programas de vacinação bem sucedidas e outras medidas de saúde pública.

O poliovírus é um enterovírus, isto é, um vírus que causa a infecção predominantemente do trato gastrointestinal. O vírus entra através da boca e é excretado nas fezes. Ela provoca uma doença de início súbito (infecção aguda) após um período de incubação curto é altamente contagiosa. A doença se espalha através de contaminação fecal dentro das famílias, e mais amplamente na comunidade através de água contaminada, se a higiene pública e saneamento são inadequados.

Embora a pólio possa causar paralisia e morte, a grande maioria das pessoas que estão infectadas com o vírus da poliomielite não fica, doentes e não tem consciência de quando foram infectados pelo virus.

Em casos raros, a infecção poliovírus leva a poliomielite paralítica, a forma mais grave da doença. Poliomielite paralítica tem vários tipos, com base na parte do seu corpo que é afetado – a sua medula espinhal (poliomielite espinhal), seu tronco cerebral (poliomielite bulbar) ou ambos (bulbo-espinal a poliomielite).

Sinais e sintomas iniciais da poliomielite paralítica são: febre e dor de cabeça. Dentro de uma semana, porém, sinais e sintomas específicos de poliomielite paralítica aparecem, incluindo: perda de reflexos, severas dores musculares ou espasmos, membros soltos e flexíveis (paralisia flácida), muitas vezes pior em um lado do corpo

Comonão existe cura para a pólio, o foco está em aumentar o conforto, acelerando a recuperação e prevenção de complicações. Tratamentos de suporte incluem: repouso, antibióticos para infecções secundárias, analgésicos para a dor, ventiladores portáteis para auxiliar na respiração, fisioterapia para evitar a deformidade e perda da função muscular, dieta nutritiva.

Apesar da higiene pessoal cuidadosa pode ajudar a reduzir a disseminação da pólio, a maneira mais eficaz de prevenir a doença é com vacina contra a poliomielite.




Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *